Configurar as definições do nó inicial

Este tópico descreve como definir as configurações fundamentais do servidor como parte do processo inicial de instalação do Tableau Sever.

Pré-requisitos

Antes de continuar com os procedimentos neste tópico, conclua os seguintes pré-requisitos, como descrito em Instalação e configuração do Tableau Server:

Após ter ativado e registrado o Tableau Server, o programa de instalação exibirá a página Configuração.

Observação: se você precisar configurar o Tableau Server para se conectar a um diretório LDAP que não seja um Active Directory, será necessário usar a CLI do TSM.

Configurações do repositório de identidades

É obrigatório definir as configurações do repositório de identidades do computador com o Tableau Server. O repositório de identidades gerencia as contas do Tableau Server. Você pode configurar o repositório de identidades para sincronizar com um diretório externo (OpenLDAP ou Active Directory, por exemplo) ou configurá-lo para gerenciar e armazenar contas no Tableau Server. Se estiver usando um logon único na solução (OpenID, SAML, Kerberos etc), consulte os tópicos a seguir antes de configurar o repositório de identidades:

Importante: após configurar e aplicar as definições do repositório de identidades, ele não poderá ser alterado.

Se você selecionar Active Directory, o Tableau Server preencherá os campos Domínio e NetBIOS do computador que executa a Configuração. Em alguns casos, a Configuração pode não exibir esses atributos. Para obter mais informações sobre como o Tableau Server se conecta e comunica com o Active Directory, consulte Gerenciamento de usuários em implantações do Active Directory.

Conta de serviço Run As

Por padrão, o Tableau Server é executado sob a conta Serviço de rede. Para usar uma conta que se adapte à autenticação NT com fontes de dados, especifique um nome de usuário e uma senha. Consulte Conta de serviço Run As para saber mais sobre como criar e usar uma conta de usuário específica.

Importante: inclua o nome de domínio com o nome de usuário, por exemplo, example\tableaurunas.

Insira a senha que você criou para essa conta.

Porta de gateway

A porta padrão para acesso na Web ao Tableau Server (via HTTP) é a porta 80. Se o programa de instalação determinar que a porta 80 está em uso quando você instalar pela primeira vez o Tableau Server, uma porta alternativa (por exemplo, 8000) é usada e mostrada na caixa Número de porta.

Talvez você precise alterar a porta devido a outras necessidades de rede, por exemplo, se tiver um firewall de hardware ou proxy que proteja o host do Tableau Server, o que poderá tornar indesejável a execução de um sistema back-end na porta 80.

Instalação da pasta de trabalho de amostra

Por padrão, o Tableau Server instalará pastas de trabalho de amostra no site Padrão quando você inicializar o servidor.

Como alternativa, é possível publicar as amostras depois da instalação com o comando tabcmd publishsamples.

Inicializar a instalação

Após configurar as opções nesta página, clique em Inicializar.

O processo de inicialização pode levar alguns instantes. Quando a inicialização for concluída, a página a seguir será exibida:

Primeiro, configure a instalação do repositório de identidades, das configurações de gateway e da pasta de trabalho de modelo. Em seguida, aplique as alterações, verifique a conexão LDAP (opcionalmente) e inicialize o Tableau Server

Definir as configurações do repositório de identidades

É obrigatório definir as configurações do repositório de identidades do computador com o Tableau Server.

Importante: após configurar e aplicar as definições do repositório de identidades, ele não poderá ser alterado.

Use o modelo json em Entidade identityStore para criar um arquivo json. Depois de preencher as opções com os valores adequados, transfira o arquivo json com este comando:

tsm settings import -f path-to-file.json.

Definir as configurações do gateway (opcional)

Dependendo dos seus requisitos de rede, pode ser necessário definir as configurações do gateway para o computador do Tableau Server. Por exemplo, se você ativar o SSL ou configurar o acesso ao Tableau Server com um proxy reverso, talvez precise definir as configurações do gateway. Consulte Entidade gatewaySettings para mais informações.

Use o modelo json em Entidade gatewaySettings para criar um arquivo json. Depois de preencher as opções com os valores adequados, transfira o arquivo json com este comando:

tsm settings import -f path-to-json-file.json.

Configurar a instalação da pasta de trabalho de amostra (opcional)

Por padrão, o Tableau Server instalará pastas de trabalho de amostra no site Padrão quando você inicializar o servidor.

Caso não deseje instalar as pastas de trabalho de amostra durante a instalação, execute o comando a seguir:

tsm configuration set -k install.component.samples -v false

Publique as amostras depois da instalação com o comando tabcmd publishsamples, se desejar.

Aplicar alterações pendentes à configuração

Agora que você criou e definiu a configuração inicial, deve aplicá-la. Quando você aplicar as alterações de configuração, o tsm verificará as definições estabelecidas antes de confirmá-las.

Para aplicar as alterações de configuração ao Tableau Server, execute este comando:

tsm pending-changes apply

O comando pending-changes apply exibe um prompt para informar que reiniciará o Tableau Server se o servidor estiver em execução. O prompt será exibido mesmo que o servidor esteja parado, porém, nesse caso, não há reinicialização. Cancele o prompt com a opção --ignore-prompt, mas isso não altera o comportamento de reinicialização. Para obter mais informações, consulte tsm pending-changes apply.

Quando este comando for concluído, os processos do TSM serão executados e o Tableau Server estará configurado, mas ainda não estará em execução.

Verificar a configuração LDAP (opcional)

Se o repositório de identidades usa o Active Directory ou OpenLDAP, é recomendado verificar a conectividade de LDAP antes de prosseguir.

Para isso, execute os seguintes comandos antes de inicializar o servidor:

tsm user-identity-store verify-user-mappings -v <user name>

tsm user-identity-store verify-group-mappings -v <group name>

Os nomes de usuários e de grupos devem ser nomes válidos que existem no servidor LDAP ao qual você está se conectando. Se a conexão LDAP tiver sido configurada corretamente, os atributos de usuário ou grupo serão retornados para o shell. Se a conexão não estiver definida corretamente, retornará um erro.

Inicializar o Tableau Server

  • Para inicializar o Tableau Server, use a opção --start-server:

    tsm initialize --start-server --request-timeout 1800

    Isso economiza tempo, ao deixar o servidor funcionando após a instalação.

  • Caso queira reconfigurar o Tableau Server após a inicialização, deixe a opção --start-server desativada:

    tsm initialize --request-timeout 1800

    Isso interrompe o servidor após a inicialização.

Inicie o Tableau Server. Se a opção --start-server não foi utilizada durante a inicialização e a configuração do Tableau Server já foi concluída, use este comando para iniciar o servidor:

tsm start --request-timeout 900

Próxima etapa

Após concluir a inicialização, crie a conta de usuário do administrador do Tableau Server. Consulte Adicionar uma conta de administrador.

Outros artigos nesta seção

Obrigado pelo feedback! Ocorreu um erro ao enviar seu feedback. Tente novamente ou envie-nos uma mensagem..