O que há de novo no Tableau Server

Este artigo lista o que há de novo no Tableau Server, a partir da versão 10.5. Se você estiver procurando uma lista contendo o histórico de novos recursos nas versões do Tableau Server para Windows antes da 10.5, consulte O que há de novo no Tableau Server para Windows 10.5.

O que há de novo na versão 2019.2

Usuário

Acesso direto com a CLI TSM

A partir da versão 2019.2 do Tableau Server, a execução de comandos tsm não exigirá que você insira uma senha se a seguinte for verdadeiro:

  • A conta com a qual você está executando comandos é membro do grupo autorizado pelo TSM, que é o grupo de administradores locais no computador Windows.
  • Você está executando comandos localmente no Tableau Server que está executando o serviço do controlador de administração do Tableau Server. Por padrão, o serviço do controlador de administração do Tableau Server é instalado e configurado no nó inicial em uma implantação distribuída.

Consulte Autenticação com a CLI tsm.

Melhorias na política de senha de autenticação local

A partir da versão 2019.2 do Tableau Server, agora você pode definir políticas de senha para o Tableau Server que está configurado para autenticação local. Por exemplo, você pode especificar o comprimento da senha, a expiração e a complexidade. Além disso, você pode definir contas para serem bloqueadas após muitas tentativas de logon com falha. Também é possível permitir que os usuários redefinam suas próprias senhas. Consulte Autenticação local.

Selecionar entre dez idiomas diferentes para o Tableau

O Tableau adicionou suporte para dois novos idiomas, chinês (tradicional) e inglês (Reino Unido). Agora é possível definir o Tableau para exibir a interface de usuário em um dos dez idiomas.

  • Chinês (simplificado)
  • Chinês (Tradicional)
  • Inglês (Reino Unido)
  • Inglês (Estados Unidos)
  • Francês
  • Alemão
  • Japonês
  • Coreano
  • Português
  • Espanhol

Para obter mais informações, consulte Idioma e localidade do Tableau Server.

Além de oferecer suporte a dois novos idiomas em todos os produtos do Tableau, a Ajuda também está disponível nesses idiomas. Para ler a ajuda no seu idioma preferido, navegue até a parte inferior da página principal da Ajuda do Tableau e selecione o idioma no rodapé.

Menu of language options

Definir uma página inicial no nível de site

A partir da versão 2019.2 do Tableau Server, você pode definir uma página inicial para todos os usuários do site, para que eles sejam encaminhados para uma página específica ao entrarem no Tableau Server. Anteriormente, os administradores do servidor podiam definir uma página inicial apenas no nível do servidor. Consulte Definir a página inicial padrão para todos os usuários.

Windows Server 2019

A partir da versão 2019.2, você pode instalar o Tableau Server no Windows Server 2019. Para obter mais informações sobre os requisitos, consulte Antes da instalação....

Elastic Server em vários nós

O Elastic Server é usado pelo Pergunte aos dados para indexar e colocar os dados em cache. Agora é possível executar processos do Elastic Server em mais de um nó em um cluster. É recomendado ter um número ímpar de processos do Elastic Server em execução. Para obter mais informações, consulte Processos do Tableau Server.

Conexão SSL com o serviço externo do TabPy

As conexões SSL com o TabPy não eram suportadas em versões anteriores. No Tableau Server 2019.2, você pode configurar as conexões SSL. A configuração de serviços externos é feita com comandos do tsm em tsm security vizql-extsvc-ssl enable.

Configuração do limite para suspender alertas

Por padrão, uma assinatura é suspensa depois de 350 falhas de alerta consecutivas. Os administradores de servidor podem configurar o número limite de falhas de alerta antes que uma assinatura seja suspensa. Para obter mais informações, consulte Configurar alertas orientados por dados.

Adicionado em versões anteriores

O que há de novo na versão 2019.1

Alterações na Ajuda do Tableau

Atualizações foram feitas para ajudar a acessar nosso conteúdo, incluindo um novo menu à direita para digitalizar rapidamente e selecionar diferentes tópicos na página. Também criamos conteúdo em guias, para mostrar facilmente como concluir tarefas da interface de linha de comando ou da Web.

Usuário

Administrador de site ou servidor

Recuperação automática da criação na Web

Com o Tableau Server 2019.1, a edição e criação de conteúdo no servidor será recuperada automaticamente no caso de falha no processo. Conforme você faz alterações no conteúdo, o Tableau Server salvará as alterações de forma intermitente (e silenciosa). Em versões anteriores, uma falha no processo resultava na perda de alterações que não foram salvas antes da falha. No Tableau Server 2019.1, as alterações feitas antes de uma falha serão mantidas ao se reconetar ao conteúdo.

Por padrão, o Tableau Server salvará o conteúdo depois de fazer cinco alterações. O administrador de servidor pode ajustar esse intervalo com a opção vizqlserver.NumberOfWorkbookChangesBetweenAutoSaves usando o Opções do tsm configuration set. O limite de tamanho de arquivo (vizqlserver.WorkbookTooLargeToCheckpointSizeKiB) e as tentativas de recuperação por sessão (vizqlserver.RecoveryAttemptLimitPerSession) também podem ser configurados.

Processos do Contêiner de microsserviço

A versão 2019.1 adiciona alguns processos novos ao Tableau Server. Os dois processos de contêiner, Contêiner de microserviço interativo e Contêiner de microserviço não interativo, agora aparecem na página Status do TSM e na saída do comando do TSM tsm status -v. Esses processos contêm microsserviços e não podem ser configurados de forma independente por administradores. Para obter mais informações, consulte Contêiners de microsserviço do Tableau Server.

Autenticação do cliente TSM

Na versão 2019.1, a confiança de certificado e o gerenciamento de cliente do TSM (interface do usuário na Web e CLI) foram atualizados para tornarem as conexões criptografadas com o Tableau Server mais fáceis de serem gerenciadas. Consulte Conexão de clientes do TSM.

Processos do Pergunte aos dados e do Elastic Server

Com o Tableau Server 2019.1, os processos do Pergunte aos dados e do Elastic Server foram adicionados ao Tableau Server para oferecer suporte ao novo recurso de Pergunte aos dados. Para obter mais informações, consulte Processos do Tableau Server.

O processo do Pergunte aos dados é instalado e configurado automaticamente. Não pode ser configurado manualmente. Os logs são armazenados no diretório nlp. Para obter mais informações, consulte Locais do arquivo de log do servidor.

O processo do Elastic Server é instalado e configurado automaticamente. O tamanho da pilha do Elastic Server pode ser configurado usando a opção de configuração elasticserver.vmopts do TSM. Para obter mais informações, consulte Opções do tsm configuration set. Somente um processo do Elastic Server pode ser executado e pode opcionalmente ser movido para qualquer nó no cluster.

Processo de servidor do Tableau Prep Conductor

O Tableau Prep Conductor é um novo processo de servidor adicionado ao Tableau Server para oferecer suporte à automação de execução e gerenciamento de fluxos. O Tableau Prep Conductor usa a funcionalidade de agendamento e monitoramento do Tableau Server para automatizar os fluxos em execução para atualizarem a saída do fluxo, em vez de fazer logon no Tableau Prep para executar manualmente fluxos individuais à medida que seus dados são alterados. Para obter mais detalhes, consulte Condutor do Tableau Prep.

O Tableau Prep Conductor está licenciado por meio do Data Management Add-on. Para obter mais informações, consulte Licenciamento do Tableau Prep Conductor.

Tableau Data Management Add-On

O Data Management Add-on é uma nova licença que inclui o Tableau Prep Conductor. Para obter mais informações, consulte Licenciamento do Tableau Prep Conductor.

Funções de nó para o processo do Processador em segundo plano

Foi adicionado um novo comando tsm topology que fornece a capacidade de especificar o tipo de tarefas que processador em segundo plano pode executar. No 2019.1, usando o novo comando, você pode isolar determinados nós para executar apenas tarefas de fluxo ou executar todas as tarefas que não sejam fluxos. Isso é útil se você quiser usar o Tableau Prep Conductor para publicar, executar e agendar fluxos. Para obter mais informações, consulte Funções de nó no Tableau Server e Condutor do Tableau Prep.

Conexão SSL com serviço o externo do Rserve

As conexões SSL ao Rserve e TabPy não eram suportadas em versões anteriores. No Tableau Server 2018.3, você pode configurar conexões SSL. Além disso, a conexão com serviços externos (habilitar, desabilitar e configurar) agora é feita com comandos tsm nativos em tsm security.

O que há de novo na versão 2018.3

Alterações na Ajuda do Tableau

Os resultados de pesquisa na ajuda do produto foram expandidos para incluir resultados de todos os produtos do Tableau e artigos de ajuda. O layout e a navegação da Ajuda, como o posicionamento da tabela de conteúdos e navegação foram atualizados para criar uma experiência de ajuda entre produtos mais consistente.

Usuário

Administrador de site ou servidor

Materializar os cálculos em extrações já publicadas no Tableau Server

Se for preciso materializar cálculos retroativamente em extrações que já foram publicadas no Tableau Server, você poderá usar o tabcmd para atualizar a extração publicada com a opção --addcalculations. Para obter mais informações sobre como materializar os cálculos em extrações, consulte Materializar os cálculos na extração na Ajuda do usuário do Tableau. Para obter mais informações sobre a opção de comando tabcmd, consulte refreshextracts workbook-name or datasource-name.

Proteger dados de extração no nível de linha

Proteja os dados de extração no nível de linha usando abordagens existentes para implementar a segurança em nível de linha no Tableau. Para obter mais informações, consulte Restrição de acesso no nível de linha de dados na Ajuda do usuário do Tableau.

Pesquisa de conteúdo aprimorada (na versão beta)

Com o Tableau Online e o Tableau Server 2018.3, você e seus usuários da Web podem obter uma prévia da nossa experiência de navegação pelo conteúdo reorganizada. A nova experiência permite ver vários tipos de conteúdo (exibições, pastas de trabalho, fontes de dados, fluxos, projetos) em uma grade ou lista. Por exemplo, agora você pode ver todo o conteúdo de um projeto específico, assim como os subprojetos.

Essa nova experiência pretende tornar a descoberta de conteúdo mais intuitiva, e é a primeira de um conjunto de alterações planejadas que têm como objetivo aprimorar o auto atendimento e governança de seu conteúdo do Tableau.

Para testar a nova experiência de navegação, habilite a configuração a nível de site que fornecemos. Para obter mais informações, consulte Visualizar a experiência de navegação do conteúdo atualizado.

Depois de habilitar a nova experiência, estimule seus usuários a entrarem em nosso site Feedback antecipado, compartilharem suas ideias e verem nossas atualizações de desenvolvimento regulares.

Suporte para Política de segurança de conteúdo

O Tableau Server oferece suporte ao padrão da Política de segurança de conteúdo (CSP). A CSP tem como objetivo ser uma camada adicional de segurança contra script entre sites e outros ataques de Web mal intencionados. A CSP foi implementada como um cabeçalho de resposta HTTP que permite especificas de onde recursos externos, como scripts e imagens, podem ser carregados com segurança.

Consulte Política de segurança de conteúdo.

Suporte aprimorado para LDAP

O Tableau Server 2018.3 inclui suporte aprimorado para LDAP, como pooling de conexão, configuração de raiz mais flexível e vírgulas em nomes de classes de objeto. Consulte o novo tópico, Referência da configuração de LDAP.

Conexões a serviços externos de suporte ao SSL

As conexões SSL ao Rserve e TabPy não eram suportadas em versões anteriores. No Tableau Server 2018.3, você pode configurar conexões SSL. Além disso, a conexão com serviços externos (habilitar, desabilitar e configurar) agora é feita com comandos tsm nativos em tsm security.

O SAML agora suporta arquivos PKCS#8 principais

Agora é possível usar arquivos principais protegidos por senha com o SAML. Consulte Configurar SAML em todo o servidor. A frase secreta é codificada e inativa junto com outros segredos do servidor. Consulte Gerenciar segredos do servidor.

Processo de atualização de chave e segredos aprimorado

Em versões anteriores do Tableau Server, a atualização de segredos, chaves e tokens do servidor exigiam que os administradores copiassem manualmente o repositório de chaves para cada nó em implantações distribuídas.

No Tableau Server 2018.3, o repositório de chaves é distribuído para todos os nós ao executar o comando tsm security regenerate-internal-tokens.

Backup sem compactação (adicionado na versão 2018.3.2)

O Tableau Server versão 2018.3.2 introduziu uma nova opção para o comando de backup de manutenção do tsm que permite desabilitara compactação ao fazer o backup. Isso pode beneficiar os clientes que têm backups com longa duração. Usar a opção acelera o tempo de backup, mas resulta em um arquivo maior. Caso use esta opção de comando em uma instalação em vários nós, recomendamos fortemente que tenha uma instância Armazenamento de arquivos configurada no nó inicial para reduzir a necessidade de backup nos nós. Para saber mais sobre o backup do TSM backup, consulte tsm maintenance backup.

O que há de novo na versão 2018.2

Usuário

Os novos recursos e aprimoramentos relacionados à criação na Web e interação com exibições na Web estão listados em O que há de novo no Tableau para os usuários e Criação na Web e Comparação de recursos do Tableau Desktop. Para tópicos relacionados à criação na Web e interação com exibições, consulte Usar o Tableau na Web.

Administrador de site ou servidor

Incluir colegas em conversas sobre dados com @mentions

Para envolver pessoas em uma conversa sobre dados interessantes encontrados em uma exibição, use @mention para mencioná-los em comentários. Quando você começa a digitar um nome, as pessoas correspondentes às contas do Tableau na sua organização aparecem em uma lista na qual você pode fazer escolhas. Para obter mais informações, consulte Comentários nas exibições na Ajuda do usuário do Tableau.

Os administradores de site podem desabilitar @mentions na seção Geral das configurações do site.

Tableau Services Manager

O Tableau Server versão 2018.2 introduziu a nova configuração do servidor baseado na Web e aplicativo de gerenciamento, o Tableau Services Manager (TSM). O TSM substitui o tabadmin e o utilitário de configuração do servidor presentes nas versões anteriores. Para saber mais sobre o TSM, consulte Visão geral do Tableau Services Manager.

Suporte para topologia dinâmica

A introdução do TSM habilita suporte para alterações em topologia dinâmica ou "quente". Isso permite alterar o número de processos do processador em segundo plano e dos processos VizQL que executam nos nós que já têm esses processos, sem a necessidade de reinicializar o Tableau Server. Para saber mais sobre esses e outros processos do Tableau Server, consulte Alterações de topologia dinâmica do Tableau Server.

Suporte para Lightweight Directory Access Protocol (LDAP).

O Tableau Server agora oferece suporte ao Lightweight Directory Access Protocol (LDAP). Para saber mais sobre o suporte ao LDAP no Tableau Server, consulte Repositório de identidades.

Suporte para usar SAML SSO com delegação de banco de dados do Kerberos

Em um ambiente do Active Directory (AD) do Windows, é possível habilitar o logon único (SSO) do SAML para o Tableau Server, junto com a delegação de banco de dados do Kerberos. Isso fornece acesso direto dos usuários autorizados ao Tableau Server e aos dados subjacentes definidos nas pastas de trabalho e fontes de dados publicadas. Consulte Usar o SSO do SAML com a delegação do banco de dados do Kerberos.

Gerenciar extensões de painel no Tableau Server

As extensões de painel são aplicativos da Web que fornecem aos usuários novas maneiras de interagir com os dados de outros aplicativos diretamente no Tableau. É possível controlar as extensões de painel que você permite a execução no Tableau. Gerencie um acesso da extensão aos dados e bloqueie as extensões para impedir que sejam executadas. Para saber mais sobre como controlar extensões, consulte Gerenciar extensões de painel no Tableau Server.

O que há de novo na versão 2018.1

Usuário

Os novos recursos e aprimoramentos relacionados à criação na Web e interação com exibições na Web estão listados em O que há de novo no Tableau para os usuários e Criação na Web e Comparação de recursos do Tableau Desktop. Para tópicos relacionados à criação na Web e interação com exibições, consulte Usar o Tableau na Web.

Administrador de site ou servidor

Redimensionar cabeçalhos na Web

Ao editar uma exibição na Web, é possível redimensionar a largura e a altura dos cabeçalhos de coluna.

Simplificar tópicos de discussão excluindo comentários

Se um comentário em uma exibição é desnecessário ou incorreto, os usuários podem excluí-lo rapidamente ao clicar no X no canto superior direito. Para obter mais informações, consulte Comentários nas exibições na Ajuda do usuário do Tableau.

Para desabilitar a capacidade de excluir comentários, altere a opção tsm configuration set, vizportal.commenting.delete_enabled, para false.

Novas licenças com prazo limitado baseadas no usuário agora disponíveis

O Tableau oferece vários tipos de licenças com prazo baseadas no usuário que concedem uma variedade de criação na Web e outros recursos em várias faixas de preço, oferecendo a flexibilidade para que as empresas paguem pelos recursos de análise de dados e visualização de dados que cada tipo de usuário da empresa necessita. Para saber mais, consulte Licenças baseadas em usuário.

Funções no site novas e renomeadas agora estão disponíveis

Iniciando na versão 2018.1, funções no site e atualizadas agora estão disponíveis. Para saber mais sobre essas funções no site, consulte Definir funções dos usuários no site. Para saber mais alterações na REST API para acomodar novas funções no site, consulte O que há de novo na REST API.

O que há de novo na versão 10.5

Usuário

Os novos recursos e aprimoramentos relacionados à criação na Web e interação com exibições na Web estão listados em O que há de novo no Tableau para os usuários e Criação na Web e Comparação de recursos do Tableau Desktop. Para tópicos relacionados à criação na Web e interação com exibições, consulte Usar o Tableau na Web.

Administrador de site ou servidor

Desempenho aprimorado do servidor para alertas de dados

Agora, para melhorar o desempenho geral, o Tableau Server repete a verificação de alertas de dados com falhas somente quando for verificar as condições de dados de todos os alteras em seguida. Para reverter para a definição anterior, que executa a verificação de alertas com falhas a cada 5 minutos, altere a opção de tabadmin set ,dataAlerts.retryFailedAlertsAfterCheckInterval, para false.

Projetos aninhados

Agora é possível criar hierarquias de projetos quando você desejar criar segmentos e conteúdo em uma área mais ampla. Por exemplo, você um projeto para cada departamento, como Operações. Em cada um desses projetos avançados, separe o conteúdo com base em com ele é usado pelo público-alvo (por exemplo, conexão com dados certificados vs. colaborações em andamento). Para obter mais informações, consulte os artigos a seguir:

Pesquisa filtrada oculta por padrão

Agora, as opções de pesquisa filtrada estão localizadas no lado direito das páginas e ficam ocultas por padrão. O ícone de alternar ficará escuro () quando o painel Filtros estiver aberto, e claro () quando o painel Filtros estiver fechado. Para obter detalhes sobre a pesquisa, consulte Pesquisar conteúdo.

Para usar a pesquisa filtrada, clique em .

Processador de dados do Tableau com Hyper

O Hyper é a nova tecnologia do Processador de dados na memória do Tableau, otimizada para fornecer um desempenho de extração e consulta mais rápido e com maior escalabilidade. Agora é possível analisar grandes conjuntos de dados e criar extrações de forma mais rápida. Para obter mais informações, consulte Processador de dados do Tableau Server.

Extrações usam o novo formato .hyper

A partir da versão 10.5, as novas extrações usarão o novo formato .hyper. Com o novo formato, as extrações aproveitam o mecanismo de dados aprimorado, que é compatível com o desempenho de análise e consulta que o mecanismo de dados anterior, e suportam extrações maiores. Da mesma forma, quando uma tarefa de atualização é executada em uma extração .tde usando a versão 10.5, faz-se o upgrade para o formato .hyper. Para obter mais informações, consulte Atualização de extrações para o formato .hyper.

Alterações na maneira como os valores são calculados

Para melhorar a eficiência e a escalabilidade da fonte de dados e produzir resultados consistentes com bancos de dados comerciais, os valores na sua fonte de dados podem ser computados de forma diferente na versão 10.5. Em alguns casos, essas mudanças podem causar diferenças com os valores e as marcas na exibição entre a versão 10.4 (e anterior) e a versão 10.5 (e posterior). Isso se aplica a fontes de dados de extração e pode se aplicar a: fontes de dados com várias conexões, fontes de dados que usam conexões ativas com dados baseados no arquivo, fontes de dados que se conectam a dados das Planilhas Google, fontes de dados baseadas na nuvem, fontes de dados somente para extração e fontes de dados WDC. Para obter mais informações, consulte Alterações a valores e marcas na exibição na Ajuda do usuário do Tableau.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Obrigado pelo feedback! Ocorreu um erro ao enviar seu feedback. Tente novamente ou envie-nos uma mensagem..